apostolo paulo - foto

O Apóstolo Paulo – Sua Teologia

O Apóstolo Paulo – Quem Foi?

É evidente que sabemos muito mais sobre a vida do apóstolo Paulo do que de qualquer outro personagem do colégio apostólico. Todo o que conhecemos o apóstolo e seu ministério é basicamente tudo quanto se sabe acerca do desenvolvimento e história do cristianismo primitivo, durante aquele período da história.

Os textos bíblicos que nos dá a conhecer acerca da vida do Apóstolo Paulo, são: Gl 1:10 a 2:10; Fp 3:4-11, além de At 9:3-19; 22:6-21 e 26:12-18.

O Apóstolo Paulo – Local de Nascimento

Paulo era da tribo de Benjamim, nativo da cidade de Tarso, era também cidadão romano como direito de nascença, de família de grande influência, tinha herança judaica, grega e romana. Tarso, por essa época, já tinha história antiga, e fora cidade importante por muitos séculos antes da era cristã. Chegou a ser a cidade mais importante da Cilícia. Essa cidade se tornou uma região de síntese entre o oriente e o ocidente, entre a cultura grega, a cultura oriental, e, finalmente, a cultura romana. Também era um centro cultural At 21:39.

Não se sabe quando Paulo nasceu; porém, quando do apedrejamento de Estevão, lemos que Saulo era um jovem; At 7:58. Portanto, isso indica que ele nasceu na primeira década do século I d.C., sendo, assim, um contemporâneo mais jovem de Jesus.

Abaixo deixo a cronologia da vida do Apóstolo Paulo, extraída do site a paz do senhor:

Cronologia da Vida do Apóstolo Paulo

A Teologia Do Apóstolo Paulo

Paulo era um homem profundamente religioso. Foi instruído em toda cultura secular. No caminho de Damasco, numa intervenção divina, o Senhor Jesus revela-se a ele. Assim passa a reconhecer que os cristão a quem outrora perseguia pertenciam ao Senhor Jesus Cristo. Houve uma transformação instantânea. Tema central dos ensinamento paulinos é a Graça. Senão vejamos:

Romanos 3: 24 sendo justificados gratuitamente pela sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus,

I Coríntios 15: 10 Mas pela graça de Deus sou o que sou; e a sua graça para comigo não foi vã, antes trabalhei muito mais do que todos eles; todavia não eu, mas a graça de Deus que está comigo.

Efésios 2: 8 Porque pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus;

Efésios 3: 8 A mim, o mínimo de todos os santos, me foi dada esta graça de anunciar aos gentios as riquezas inescrutáveis de Cristo,

Paulo nos apresenta a Graça como uma atitude de Deus em favor do o homem, Ef. 2:7; Tt 2: 11; um Dom concedido ao homem pecador, Ef. 4: 7.

Em Gálatas 5:16, quando Paulo diz” andai em espírito “ele quer dizer que devemos usar nossas qualidades para inclinar‐se à Deus. Para o cristão a vida espiritual é o domínio das inclinações da carne. É o viver consciente no Espírito.

Sua teologia enfatiza o homem em seu estado completo. Corpo, Alma e Espírito. “E o próprio Deus de paz vos santifique completamente; e o vosso espírito, e alma e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.”I Tessalonicenses 5: 23.

E escrevi isto mesmo, para que, chegando, eu não tenha tristeza da parte dos que deveriam alegrar‐me; confiando em vós todos, que a minha alegria é a de todos vós”.II Coríntios 2: 3

O Conceito do Apóstolo Paulo Acerca do Pecado

O pecado é uma realidade e o Apóstolo Paulo o apresenta como uma herança do primeiro homem, Adão. Adão foi criado para viver eternamente e continuaria nesta condição se não houvesse cometido o pecado. Toda a criação sofre por causa do pecado, este é universal e afeta toda natureza e não somente o homem conforme vemos em Romanos 8: 19 ‐ 22 “Porque a criação aguarda com ardente expectativa a revelação dos filhos de Deus. Porquanto a criação ficou sujeita à vaidade, não por sua vontade, mas por causa daquele que a sujeitou, na esperança de que também a própria criação há de ser liberta do cativeiro da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus. Porque sabemos que toda a criação, conjuntamente, geme e está com dores de parto até agora;”

A Visão Paulina acerca da Pessoa de Cristo

Cristo foi o tema central na pregação de Paulo, sua morte foi para que os nossos pecados fossem apagados e consequentemente as nossas almas resgatadas e assim pudéssemos alcançar a reconciliação com Deus. Nos ensinos de Paulo, ele também fala acerca da vinda do Senhor. Ele destaca essa vinda em duas fases, o que chamamos na teologia escatológica de Parousia de Cristo, para arrebatar a Igreja onde não será visto pelo mundo incrédulo e Jesus vindo em glória para implantar o milênio aqui na terra esta vinda será visível a todo olho:

Para arrebatar a Igreja. I Cor. 15: 50 ‐ 52; I Tes. 4: 16 ‐ 17

Para implantar o milênio. Mat. 24: 29 ‐ 30, II Tes. 1: 7

Entenda a Bíblia Sagrada Com Profundidade, Estudando no Conforto de seu Lar e no Seu Tempo Livre com o Curso Bacharel em Teologia da FATEOS

One Comment to “O Apóstolo Paulo – Sua Teologia”

  1. […] Escrevi um artigo recentemente onde dedico tempo somente para falar sobre a Teologia do Apóstolo Paulo, veja aqui […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *